Notícia

Skip Navigation LinksHome > Simpro > Notícia

PACIENTES RENAIS RECEBEM NOVO ESPAÇO DE HEMODIÁLISE
19/05/2010

Beneficência Portuguesa de São Paulo investe R$ 3 milhões na nova área da Unidade de Terapia Renal. Espaço vai dobrar a capacidade do Complexo para atendimento a pacientes renais crônicos e agudos


            A Beneficência Portuguesa de São Paulo (www.bpsp.org.br) inaugura a nova área da Unidade de Terapia Renal. O espaço possui 31 pontos de hemodiálise equipados com máquinas automáticas de última geração, ampliando a capacidade de atendimento a pacientes de convênios e particulares para até 2400 sessões/mês. Para o desenvolvimento e habilitação do local, a Beneficência Portuguesa de São Paulo investiu R$ 3 milhões em infraestrutura, equipamentos e ambientação arquitetônica.
            Seguindo a tendência de hotelaria hospitalar, a nova Unidade de Terapia Renal da Beneficência Portuguesa de São Paulo é estruturada de forma humanizada preservando o conceito de acolhimento ao paciente. O propósito é tornar o ambiente agradável e aconchegante aos pacientes que passam de três a cinco horas nas máquinas de hemodiálise, em cada uma das três sessões semanais.
                O ambiente claro, arejado e moderno é composto de quatro salões divididos segundo as sorologias virais: 1º - sorologia negativa; 2º - sorologia C (vírus da hepatite C+); 3º - sorologia B (vírus da hepatite B+) e 4º - sorologia desconhecida (pacientes novos). Cada salão apresenta um posto de enfermagem exclusivo. A nova unidade possui, ainda, uma área reservada para os pacientes com indicação de diálise peritoneal ambulatorial contínua (DPA ou CAPD) com sala equipada para o treinamento desses pacientes e seus acompanhantes.
            O espaço conta com 14 telas de LCD e canais de TV a cabo e recepção especial para acompanhantes. Além disso, a nova área possui poltronas de couro com densidade 32, para pessoas com até 120 kg, equipadas com controle remoto, o que proporcionam autonomia e melhor acomodação ao paciente. A unidade está instalada em local estratégico com entrada exclusiva e independente dos demais departamentos do Complexo, com fácil acesso a cadeirantes, pacientes debilitados e aos que acessam a Unidade em ambulâncias.   
            A água, componente de suma importância para o processo de hemodiálise, passa por um rigoroso sistema de tratamento, manutenção e controle de qualidade, seguindo as normas e exigências dos órgãos reguladores. As máquinas adquiridas para o processo de hemodiálise contam com tecnologia de ponta, totalmente informatizadas, que conferem total segurança aos pacientes.
Diferenciais
Um dos principais diferenciais do espaço é o atendimento a pacientes renais crônicos e agudos portadores de problemas cardíacos. “Grande parte dos nefropatas renais agudos atendidos pela Instituição apresentam déficit de função renal em decorrência de doenças de base como diabetes mellitus e hipertensão arterial e, muitas vezes, podem necessitar de suporte hemodialítico desde o pré-operatório das cirurgias e cateterismos cardíacos”, explica Dra. Anita Saldanha, nefrologista da Beneficência Portuguesa de São Paulo.
            Outro destaque é o atendimento de nefropatas agudos in loco, em Unidades de Terapia Intensiva. “Por meio de máquinas itinerantes e de terapia contínua, conseguimos oferecer o atendimento necessário a pacientes em estado crítico com instabilidade hemodinâmica em qualquer uma das UTIs do Complexo”, afirma a médica. Em 1966, a Beneficência Portuguesa de São Paulo foi pioneira entre a rede de hospitais privados da América Latina na manutenção de doentes renais crônicos e terapia renal substitutiva em nefropatas agudos nas UTIs.
            A unidade dá atendimento a nefropatas crônicos de diversas partes do Brasil que em geral apresentam agravantes por lesão em outro órgão além do rim e por isso recorrem à Beneficência Portuguesa de São Paulo em busca de uma assistência médica mais estruturada de excelência até a cirurgia de transplante renal.

Beneficência Portuguesa de São Paulo
Com 150 anos completados em 2009, a Beneficência Portuguesa de São Paulo é um dos maiores complexos hospitalares privados da América Latina, com alcance de atendimento de 1,5 mil pessoas por ano e excelência em cardiologia, transplantes, neurologia, gastroenterologia e ortopedia. Em 2007, foi inaugurada a Unidade Hospital São José, projetada para ser referência em tecnologia e hotelaria hospitalar.

 

FONTE
CDN Comunicação Corporativa
Maria Teresa Moraes / 11-3505-4480 / mariateresa.moraes@cdn.com.br
Fernanda Martello / 11-3643-2951 / fernanda.martello@cdn.com.br  
Raquel Brito / 11-3643-2842 / raquel.brito@cdn.com.br
Carlos Gil / 11-3643-2711 / carlosgil@cdn.com.br


Fonte: