Notícia

Skip Navigation LinksHome > Simpro > Notícia

Sistema quer melhorar desfechos clínicos dos pacientes e diminuir gastos hospitalares
23/04/2019

Saúde baseada em valor: principal tendência do setor será discutida no Espírito Santo, no dia 24 de abril

Você já ouviu falar em saúde baseada em valor? O assunto que é uma novidade e iniciativa do setor privado, tem como objetivo otimizar os desfechos clínicos dos pacientes juntamente com a diminuição dos gastos do hospital. O assunto será debatido no dia 24 de abril, em Vitória, no seminário Pré-Conahp, que terá a participação de gestores de hospitais, de operadoras, laboratórios e profissionais de saúde.

Para melhor entender a proposta da Associação imagine um paciente com câncer de próstata. Pense que ele precisa fazer uma operação e que consequências como disfunção erétil e infertilidade podem acometê-lo. Um bom resultado para esse paciente seria realizar a cirurgia, retirar o tumor e ter a sobrevida garantida sem sequelas. Já o objetivo do hospital seria atender esse paciente da melhor forma, garantindo os bons resultados e visando o menor custo financeiro, sem comprometer a qualidade de todo o atendimento. Essa seria (explicada de uma forma simples), a proposta da saúde baseada em valor.

Originada do Institute for Healthcare Improvement (IHI), a proposta está alinhada com o conceito Triple Aim (em português, triplo objetivo), que significa melhorar a experiência do paciente e os desfechos clínicos reduzindo o custo per capita. A proposta também poderá ser aplicada pelo Sistema Único de Saúde (SUS). 

O desfecho clínico é um conjunto de indicadores de saúde que consegue bons resultados em várias dimensões, como por exemplo, na qualidade de vida, mortalidade, bem-estar emocional e psicológico. Ele é aferido em relação a uma trajetória ligada à uma condição de saúde e ao procedimento.

"A saúde baseada em valor está embasada no preceito de que o valor da entrega para o paciente deve ser aferido a partir da relação de desfecho clínico sobre custo, sendo que o desfecho clínico é aquilo que o paciente valoriza como o melhor resultado que ele pode ter com um processo de tratamento, seja qual for a passagem dele dentro do sistema de saúde", explicou o médico e vice-presidente do Conselho Administrativo da Anahp, Ary Ribeiro. 

Para Ribeiro, um aspecto também relevante neste contexto da "equação de valor" é a avaliação da pertinência dos procedimentos. "Se um paciente é submetido a um tratamento sem necessidade, isto é um desperdício, não tem justificativa. E se isto ocorre, independente da relação desfecho sobre custo o valor é zero".

Segundo o presidente do Comitê Científico do Conahp 2019, Mohamed Parrini, a saúde baseada em valor é uma responsabilidade das empresas, dos médicos e das instituições de saúde. Ele explica também que o paciente tem um novo perfil relacionado à sua condição de valor. "O paciente acima dos 40 anos espera muito mais que um cuidado humanizado, ele quer participar do atendimento, ser protagonista do cuidado. Desta maneira, queremos gerar mais valor e qualidade para ele, mas com sustentabilidade para as empresas. Não oferecer nem menos nem mais, mas o correto. E isso só é possível por meio do uso racional e de uma atuação equilibrada para ambas as partes. É fazer gestão sobre o valor, focar no paciente de forma mais ampla e sistêmica", esclarece.

Modelo já foi aplicado em outros países, é possível conferir os resultados.

Seminário 

Os seminários Pré-Conahp são realizados duas vezes ao ano em diferentes regiões do Brasil. O próximo será realizado no mês de agosto em Salvador (BA). Já o Conahp acontecerá entre 26 e 28 de novembro, na Expo Transamérica em São Paulo (SP).

Ação no Estado 

Data: 24 de abril (quarta-feira)
Horário: das 9h às 16h
Local: Sheraton Vitoria Hotel | Av. Saturnino de Brito, 217, Praia do Canto – Vitória, CEP 29055-095
Para mais informações: (11) 3178-7444 | eventos@anahp.com.br


Fonte: https://bit.ly/2IRw6fi